Será que os Surfistas Devem Ser Subsidiados?

Livro Será que os Surfistas Devem Ser Subsidiados?
Autor: Martim Avillez Figueiredo
Editora: Alêtheia Editores
Em stock
SKU
622558
3,00 €

Envio das encomendas em 2 dias Ver mais...

Contacte-nos para mais informação.

Fazemos a primeira troca grátis em 3 dias.

Partilha

E se no futuro os impostos pagarem um rendimento garantido a todos, igual para pobres ou ricos, preguiçosos ou viciados no trabalho?   A ideia de um rendimento pago a todos, ricos ou pobres, preguiçosos ou viciados no trabalho, está a ganhar adeptos em todo o planeta depois de um filósofo belga, cabelo à pop star, ter proposto um outro conceito de liberdade: a liberdade de cada um ser livre de fazer o que bem entende ao mesmo tempo que recebe os meios que tornam essa autonomia viável. Impossível? Neste livro vai perceber porque esta ideia parece sedutora mas vai, igualmente, descobrir os muitos riscos que esconde. E não, nada disto é tão óbvio quanto parece. Que relação existe entre surfistas, o jogo do monopólio ou as suas reacções quando arrisca na roleta? Paga para ver?   «Este é um pequeno livro sobre uma grande ideia – uma ideia que poderia modificar radicalmente os nossos sistemas de proteção social. Martim Avillez Figueiredo apresenta-nos a questão de forma competente e estimulante, não deixando de acrescentar a sua própria visão crítica.» João Cardoso Rosas «Um livro intelectualmente estimulante e politicamente desafiador. Um livro que, com mestria, nos conduz à certeza da dúvida, ao construtivismo da discussão, ao convite leal para questionar ideias feitas. Um livro desassossegado e incisivo sobre a sempiterna inquietude de conjugar liberdade com igualdade. Um livro corajoso, sem preconceitos, que não nos deixa indiferentes na diferença de pontos de vista.» António Bagão Félix «A proposta de Van Parijs é, ao mesmo tempo, radical, no sentido em que vai à raiz dos problemas, intelectualmente sofisticada e politicamente provocadora. Em tempos conturbados, este livro de Martim Avillez Figueiredo mostra, de forma desafiante, como as ideias são sempre o recurso político mais poderoso ao nosso dispor.» Pedro Adão e Silva «O filósofo belga Van Parijs argumenta a favor de um rendimento mínimo para todos, de forma a permitir a cada um usar o seu tempo para seguir uma vida que o realize plenamente. Martim Avillez Figueiredo disseca aqui essa ideia e contra-argumenta. Se, mesmo sem esse rendimento garantido, dispuser de tempo, leia. Verá que essa escolha contribuirá de facto para a sua realização.» Diogo Lucena «Partindo das propostas de Van Parijs, Martim Avillez Figueiredo oferece neste livro uma discussão original e refrescante sobre alguns dos temas e autores centrais da teoria política contemporânea. É um olhar aberto e informado, dotado de energia contagiante. Um convite à reflexão crítica que se recomenda a todos os que apreciam o desafio das ideias e o inquérito livre.» João Carlos Espada   Martim Avillez Figueiredo é Chief Operating Officer da Impresa para as áreas comercial e de marketing. Cronista do semanário Expresso, comentador na SIC Noticias, é professor convidado do Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portuguesa. Fundou e dirigiu o jornal diário i, eleito Jornal Europeu do ano em 2009. Foi director do Diário Económico, subdirector da revista Sábado e jornalista na Grande Reportagem e no semanário O Independente, onde iniciou a sua carreira em 1992. Mestre em Teoria Política e relações Internacionais pelo Instituto de Estudos Políticos, foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian na Universidade de Oxford em 2003. Tem um AMP pela Universidade Católica e a Kellog University, em Chicago. Tem 40 anos. É casado com Rita, com quem tem dois filhos, o Martim e o Luís.
Mais informação
Código de Barras 9789896225582
Autor Martim Avillez Figueiredo
Editora Alêtheia Editores
Páginas 18
Colecção ---
Escreva a sua própria avaliação
Apenas utilizadores registados podem fazer avaliações. Por favor, inicie sessão ou crie uma nova conta